Materiais Posts

Orvalho Litterarius

Procuro dizer o que sinto

Sem pensar em que o sinto.

Procuro encostar as palavras à ideia

E não precisar dum corredor

Do pensamento para as palavras.

(Alberto Caeiro)